Gareca evita prometer títulos em chegada ao Palmeiras

Treinador argentino disse que dará o máximo de si e elogiou trabalho do interino Alberto Valentim

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Palmeiras/Divulgação
"Eu não posso prometer títulos, não sei o que vai acontecer amanhã. Vivo o presente", disse o treinador

Apresentado na Academia de Futebol nesta sexta-feira, o argentino Ricardo Gareca mostrou animação em assumir o Palmeiras. O novo técnico alviverde esteve presente na vitória da equipe sobre o Figueirense por 1 a 0, e diz ter gostado do que viu.

Gareca chega com a missão de acertar o Palmeiras, com apresentações regulares desde o retorno da Série B, em 2013. Sob o comando do interino Alberto Valentim, a equipe conseguiu três vitórias no Brasileirão, o que já faz o novo treinador projetar o futuro. "Falar com Alberto é importantíssimo para mim. Ele está fazendo um grande trabalho, muito importante, muito bom. Seguramente estará comigo como auxiliar", disse.

Sem prometer títulos, o argentino chega com a consciência de que as vitórias serão o alicerce do seu trabalho. "A prioridade para o Palmeiras, e para mim também, é ganhar. No Vélez, tudo se deu com vitórias. Senão seria muito difícil. Eu não posso prometer títulos, não sei o que vai acontecer amanhã. Vivo o presente. O único que posso prometer é entregar o máximo que tenho", completou.

Com as férias dos jogadores durante o período de Copa do Mundo, Gareca viaja para a Argentina e só assume a equipe na volta aos treinamentos. Projetando um bom trabalho, ele esclareceu que admira os treinadores brasileiros, e que não traz nada revolucionário ao clube alviverde.

"Treinadores argentinos não tem nenhum segredo, eu não tenho nenhum segredo. Admiramos os técnicos brasileiros. Tenho lido que vou trazer coisas novas, mas não trago nada que vocês não conheçam. Para mim, o futebol brasileiro está acima. Eu vim aprender sobre futebol brasileiro", declarou.

Após as férias, Gareca se reunirá com sua comissão técnica para avaliar o elenco palmeirense. Sem falar em nomes, disse que o clube provavelmente contará com reforços para o segundo semestre. "Acredito que o Palmeiras vai contratar jogadores. Paulo Nobre me prometeu (risos). Mas não sei a quantidade. Estaremos olhando, conversando, mas vão vir".

COPA DO MUNDO - Argentino, Ricardo Gareca não esconde a torcida por seu país de origem. "Quero que a Argentina ganhe a Copa, sou argentino. O Brasil é o dono da casa, então a expectativa de vocês é que ganhe. Eu quero que ganhe a Argentina, claro", finalizou.

Leia tudo sobre: garecaricardo garecaapresentaçãopalmeirastécnicotreinador