Pilotos fazem protesto no Aeroporto da Pampulha contra Anac

Empresas podem ser multadas em até R$ 90 mil; profissionais afirmam que medida pode trazer risco aos funcionários e passageiros

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Aproximadamente 50 pilotos fizeram um protesto no Aeroporto da Pampulha, em Belo Horizonte, na manhã desta sexta-feira (23). O ato foi contra a medida da  Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) de multar empresas áreas que descumprirem horários de voos. As multas variam entre R$ 12 mil e R$ 90 mil.

De acordo com o presidente da Ordem dos Aviadores de Minas Gerais (Oamig), comandante Montezum Miranda,  a medida pode colocar em risco funcionário e passageiros. Na versão deles, os pilotos não poderiam atrasar mais de 15 minutos.

“Além da multa para as empresas, os pilotos também podem ser penalizados e até perder a carteira por seis meses”, contou o comandante.

O grupo que estava no aeroporto preencheu um relatório de segurança que será entregue ao Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), órgão responsável pela fiscalização da aviação.

Caso não ocorra mudança na decisão, na semana que vem, o grupo pretende abordar os passageiros e explicar que a decisão fere a segurança de voo. 

Leia tudo sobre: anacpilotomulta