Palmeiras atacará para não ter surpresa do Figueirense

Embalado pelas últimas três vitórias, time alviverde teme que catarinenses repitam sucesso contra o Corinthians

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

A vitória do Figueirense contra o Corinthians na inauguração oficial do Itaquerão, no último domingo, deixou todos no Palmeiras em alerta. Nesta quinta-feira, às 19h30, a equipe recebe justamente o time catarinense e o técnico interino Alberto Valentim sabe que terá pela frente um adversário duro de ser batido. Na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara (o Pacaembu está com a Fifa para a Copa do Mundo), o Palmeiras entra em campo disposto a manter a boa fase, de três vitórias consecutivas, e Alberto quer mostrar para o argentino Ricardo Gareca o time que ele terá nas mãos em breve.

Na preleção, como não podia deixar de ser, o assunto será a atuação do Figueirense contra o Corinthians. E a expectativa é que o treinador Guto Ferreira adote a mesma tática. Joga fechado e esperando um erro do time adversário. “Eu já tive oportunidade de trabalhar com ele e sei que o Guto arma o time fechado e aposta no contra-ataque. Deve ser assim contra nós”, disse Diogo que tem sido um dos destaques do Palmeiras nos últimos jogos.

Muito provavelmente sob o olhar de Ricardo Gareca, que deve estar nas tribunas da Arena Fonte Luminosa, Alberto vai levar a campo o time com a base que já se tornou conhecida pelos torcedores, inclusive com Wendel e William Matheus, que retornam de lesões. A postura tática será bem ofensiva, com Marquinhos Gabriel e Diogo caindo pelas pontas e tentando abrir espaço para Mendieta e auxiliar Henrique para marcar gols.

Uma das novidades táticas de Alberto e que pode ser continuada por Gareca é o fato do time ter uma formação mais ofensiva, mas os atacantes que ficam nas pontas têm obrigação muito maior de marcação. Diogo, por exemplo, diante do Vitória, apareceu muito mais pelos desarmes do que chutes a gol.

Além de William Matheus e Wendel, que retornam ao time, Lúcio e Marquinhos Gabriel se recuperaram de dores no pé e também vão para o jogo. Os desfalques continuam sendo Fernando Prass, Bruno César e Valdivia, além de Eguren, que está com a seleção uruguaia.