Marcelo critica postura, revela bronca e valoriza vitória

Técnico celeste teve que mexer com o brio do time e falar alto para que jogadores acordassem em busca do resultado

iG Minas Gerais | BRUNO TRINDADE |

ESPORTES - BELO HORIZONTE MG - 21.5.2014 - CAMPEONATO BRASILEIRO 2014 - CRUZEIRO X SPORT - Estadio Mineirao em Belo Horizonte MG. 
Foto: Douglas Magno / O Tempo
douglas magno
ESPORTES - BELO HORIZONTE MG - 21.5.2014 - CAMPEONATO BRASILEIRO 2014 - CRUZEIRO X SPORT - Estadio Mineirao em Belo Horizonte MG. Foto: Douglas Magno / O Tempo

O técnico Marcelo Oliveira não gostou nada da atitude do Cruzeiro no primeiro tempo contra o Sport, nesta quarta-feira, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. O time não conseguir repetir o mesmo ritmo que costuma implantar quando atua no Mineirão, e viu os visitantes melhores em campo, com chances até de abrir o marcador.

O comandante celeste esperava uma postura diferente. “Pela concentração, pela conversa na preleção, pelo vestiário, esperávamos um time com mais entrega, mais vibração no primeiro tempo. Porém, o que vimos foi o adversário correndo mais e a gente correndo errado na marcação. Eles adiantaram dois jogadores, um pela direita e outro pela esquerda, e colocaram dois homens enfiados, o Leonardo e Neto Baiano, o que dificultou muito”, disse.

Por causa da atitude cruzeirense em campo, o treinador falou sobre a bronca que deu em seus comandados no vestiário. “Às vezes, a conversa de vestiário tem que ser mais dura. Eu cobro da minha maneira, falo alto, mas também incentivo muito porque a gente precisava se organizar. Os jogadores entenderam bem isso e voltaram com outra disposição”, disse.

Mesmo com as dificuldades, o treinador valorizou a vitória e o poder de reação do time. “Não tem jogo fácil. Basta você se descuidar, estar um pouco mole, que a coisa não vai. Nós encaixamos no segundo tempo, melhorou o nosso jogo, a nossa disposição e conseguimos uma vitória importantíssima no Mineirão, pois agora vamos sair para jogos muito difíceis”, analisou.  

Leia tudo sobre: marcelo oliveiratecnicocruzeiroraposalider