Estacionamento de igreja da Boa Viagem é fechado

Veículos poderiam prejudicar estrutura da edificação, que é tombada como patrimônio da capital

iG Minas Gerais | Da redação |

Carros não poderão mais ficar estacionados no pátio de igreja
Pedro Silveira / O Tempo
Carros não poderão mais ficar estacionados no pátio de igreja

O estacionamento da Catedral de Nossa Senhora da Boa Viagem, no bairro Funcionários, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, foi fechado pela prefeitura da capital. O auto de interdição foi publicado em uma portaria da Regional Centro-Sul no “Diário Oficial do Município” (DOM) desta quarta. De acordo com a regional, no entanto, o espaço foi notificado e já está fechado desde a última segunda-feira. Atualmente, o local comporta cerca de 140 veículos.

Em janeiro deste ano, o estacionamento teve seu alvará cassado pela Justiça. Apesar disso, a Contapark, empresa que administra o espaço, conseguiu uma liminar que liberou o retorno dos carros ao pátio.

O uso da área externa da catedral para a guarda de veículos se arrasta na Justiça há mais de um ano. O serviço no local já havia sido encerrado em fevereiro de 2013, pois a grande circulação de carros poderia prejudicar a estrutura da igreja, que é tombada pelo Patrimônio Histórico de Belo Horizonte.

Segundo o advogado da Contapark, Nelson Moraes, uma nova liminar será enviada ao Tribunal de Justiça pedindo a liberação de funcionamento do estacionamento. “Nos próximos dias, entraremos com uma liminar pedindo o efeito suspensivo dessa interdição, mas, por enquanto, o local ficará fechado”, disse.

A assessoria de imprensa da Arquidiocese de Belo Horizonte informou que não está envolvida na situação do estacionamento da catedral, já que não é responsável pela administração do serviço. A entidade disse que continuará acompanhando o caso.

Multa

Valor. Questionada pela reportagem, a regional Centro-Sul não informou, até o fechamento desta edição, o valor da multa aplicada à empresa Contapark, que mantinha o estacionamento aberto.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave