Homem mata cunhado após ter dedo decepado a foice no Norte de Minas

Suspeito teria chegada à casa da vítima embriagado e armado; após o crime, homem foi preso; menina de 7 anos estava no local do assassinato

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Um homem que matou o cunhado após ter dedo decepado, foi preso em flagrante nessa terça-feira (20), em Indaiabira, no Norte de Minas. O suspeito está internado em um hospital da cidade e será ouvido nesta tarde, pela Polícia Civil.

A irmã de Delci Francisco dos Santos, 27, contou que ele chegou na casa onde ela estava com o companheiro Joaquim de Sousa, 39, muito agressivo e embriagado. A visita inesperada, aconteceu na fazenda Muzelo, na zona rural da cidade, durante a madrugada.

Santos ameaçou Sousa e o chamou para uma briga, do lado de fora da residência. Para se defender, Sousa teria fechado janelas e portas. Porém, com uma espingarda, Santos teria atirado na região do tórax de Sousa e ele morreu nos braços dela. Na casa também estava a sobrinha de Santos, de 7 anos.

Na versão de Santos, porém, Sousa teria deixado a casa e o atingido com uma foice, decepando um de seus dedos, e que, para se defender, atirou.

O corpo de Sousa foi encontrado caído em um dos quartos da casa e na cozinha, os militares apreenderam uma foice suja de sangue.

Santos foi detido em sua casa, ainda sangrando. No entanto, a espingarda, não foi localizada. No boletim de ocorrência registrado pela companheira da vítima não consta o motivo da briga entre os homens.  

Leia tudo sobre: tirofoicecunhadodedo decepadosobrinhaembriagado