Pai filho sofrem queimaduras graves por causa de rato em Valadares

Vítimas usaram gasolina para apanhar roedor dentro de casa; com explosão eles tiveram 80% e 20% do corpos queimados; paredes do imóvel também caíram

iG Minas Gerais | Gustavo Lameira |

Pai e filho sofreram queimaduras graves na tentativa de matar um rato, em Governador Valadares, no Leste de Minas. O acidente foi bairro Maria Eugênia, na noite dessa segunda-feira (19). As vítimas sofreram queimaduras em 80% e 30% do corpo, respectivamente.

De acordo com os bombeiros, os homens apresentavam sinais de embriaguez e tentavam cercar o roedor dentro de casa. Quando o rato correu para debaixo do fogão, pai e filho jogaram gasolina. A suspeita é que um deles fumava, o que teria provocado a explosão, que chegou a derrubar paredes do imóvel.

Wenderson Basílio dos Santos, de 39 anos, e Nilo Luciano dos Santos, 17, foram socorridos pelos militares até o Hospital Municipal de Governador Valadares.

Conforme o setor de internação, apenas Nilo permanece na unidade, no entanto, não tinham informações sobre sue estado de saúde. Pela gravidade, o pai não chegou a dar entrada no hospital da cidade, e seguiu direto para o Pronto Socorro João XXIII, na capital, onde passou por cirurgia e segue internado em estado grave no CTI de queimados.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave