América vence com Mineirão cheio e se isola na liderança da Série B

Diante de quase 20 mil pessoas, Coelho fez mais uma exibição firme e emplacou sua quinta vitória consecutiva no Brasileirão

iG Minas Gerais | Antônio Anderson |

ESPORTES BH MG: LANCES DA PARTIDA ENTRE AMERICA E JOINVILLE VALIDA PELA SEXTA RODADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO SERIE B.NA FOTO: OBINA

FOTO: DENILTON DIAS / O TEMPO / 20.05.2014
DENILTON DIAS / O TEMPO
ESPORTES BH MG: LANCES DA PARTIDA ENTRE AMERICA E JOINVILLE VALIDA PELA SEXTA RODADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO SERIE B.NA FOTO: OBINA FOTO: DENILTON DIAS / O TEMPO / 20.05.2014

 O América venceu o Joinville por 3 a 1 no Mineirão, em partida que teve recorde de público do clube na atual temporada. 19.562 torcedores pagaram ingresso para acompanhar o duelo, que foi válido pela sexta rodada da Série B e colocou o Coelho na liderança isolada da competição. O alviverde chegou 16 pontos, três a mais que os próprios catarinenses.

O maior público até então do América em 2014 tinha sido registrado no clássico contra o Atlético, na Arena Independência, no jogo de ida da semifinal do Campeonato Mineiro. Na ocasião, foram 7.943 pagantes.

O horário marcado para o início da partida, às 19h30, poderia ter tirado os torcedores do estádio. Mas a oportunidade de ir ao Mineirão, que será palco de jogos da Copa do Mundo, e a boa fase do time, que completou cinco vitórias consecutivas na Série B, estimularam os americanos, que chegaram animados ao Gigante da Pampulha.

Antes do jogo, a informação do América era de que já haviam sido vendidos 10 mil bilhetes, mas ainda foram colocou mais 8 mil à venda no Mineirão. O jogo já havia começado e muitos americanos que ainda tentavam entrar no estádio não viram o gol de cabeça marcado pelo atacante Obina, 15 min do primeiro tempo.

Dominando o meio-campo e chegando em velocidade ao ataque, o América retribuiu o carinho de seu torcedor, que terminou o primeiro tempo fazendo festa para comemorar a vitória parcial. Nem mesmo o gol de empate do Joinville, marcado pelo atacante Jael aos 7 min da etapa complementar, desanimou os americanos.

Cantando o tempo todo e fazendo barulho com buzinas e outros instrumentos musicais, os torcedores continuaram incentivando o América, que voltou a ficar em vantagem no placar aos 17 min com um gol do meia Mancini. Os americanos comemoraram como se fosse um gol quando o placar eletrônico anunciou o público pagante, mas a festa ficou completa aos 41 com o gol de cabeça do zagueiro Vitor Hugo.

A nota triste do jogo foi o registro de que alguns torcedores pagaram ingresso, mas foram embora sem conseguir entrar no estádio. No entanto, os que estavam nas arquibancadas gritaram nos minutos finais “olé” a cada jogada da equipe. No fim, os americanos gritaram “Coelho” e “Vamos subir Coelho” para celebrar o resultado. AMÉRICA 3 X 1 JOINVILLE

Motivo: sexta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro Local: Mineirão Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF) Cartões amarelos: Willians e Pablo (América); Franco e Washington (Joinville) Cartões vermelhos: nenhum Gols: Obina, Mancini e Vitor Hugo (América); Jael (Joinville) Público: 19.562 pagantes Renda: R$ 196.262,50 AMÉRICA Matheus, Elsinho, André, Vitor Hugo e Gilson; Leandro Guerreiro, Pablo, Mancini e Willians (Diney); Obina (Júnior Negão) e Henrique. Técnico: Moacir Júnior JOINVILLE Ivan, Murilo, Bruno Aguiar, Rafael e Bruno Costa (Cristian); Franco (Harrison), Washington, Tartá (Hugo) e Marcelo Costa; Edigar Junio e Jael. Técnico: Hemerson Maria

 

Leia tudo sobre: americacoelhoserie bmineiraofutebollider