Djokovic vira sobre Nadal e conquista 3º título em Roma

Número 2 do mundo assegurou a conquista no saibro italiano ao vencer o duelo por 2 sets a 1

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

O sérvio Novak Djokovic conquistou, neste domingo, o seu terceiro título do Masters 1000 de Roma. De virada, o número 2 do mundo assegurou a conquista no saibro italiano ao derrotar o espanhol Rafael Nadal, líder do ranking da ATP, por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/3 e 6/3, em 2 horas e 19 minutos.

A vitória deste domingo ajudará Djokovic a chegar embalado para tentar ser campeão de Roland Garros. O Grand Slam parisiense é o único que o tenista sérvio nunca venceu, e o Masters 1000 de Roma é considerado o mais importante torneio de preparação, pois antecede a disputa em Paris, que começará no dia 25 de maio.

O triunfo na decisão da competição italiana também confirma o melhor momento de Djokovic no confronto direto com Nadal, mesmo que ele esteja em desvantagem de 22 a 19. Afinal, foi o sérvio que venceu as últimas quatro partidas, todas elas em finais, sendo uma delas neste ano, no Masters 1000 de Miami.

A conquista deste domingo foi a terceira de Djokovic em Roma - as outras foram em 2008 e 2011. Agora, o sérvio passa a somar 44 títulos na sua carreira, sendo 19 em Masters 1000. Neste ano, além dos títulos de Miami e Roma, o número 2 do mundo também foi campeão do Masters 1000 de Indian Wells.

Nadal começou melhor a decisão deste domingo e abriu 4/1, com duas quebras de serviço, no terceiro e quinto games. Djokovic ainda tentou reagir e devolveu uma delas na sequência, no sexto game. Porém, foi insuficiente para evitar a vitória do espanhol em 6/4, em um set que teve duração de 47 minutos.

Na segunda parcial, Djokovic conseguiu uma quebra de serviço logo no segundo game e abriu 3/0. Nadal reagiu, devolveu a quebra no quinto game, mas perdeu o seu saque em seguida ao cometer uma dupla falta. Assim, com uma vantagem confortável, o sérvio empatou o duelo ao vencer o segundo set em 44 minutos por 6/3.

Embalado, Djokovic abriu 2/0 no terceiro set, com um break point convertido no primeiro game. Nadal empatou a parcial em 3/3 ao devolver a quebra de serviço, mas depois Djokovic dominou o confronto. O sérvio conseguiu mais duas quebras, no sétimo e nono games, fechando a parcial novamente em 6/3 para faturar o seu terceiro título do Masters 1000 de Roma.

Leia tudo sobre: djokovicnadaltituloromatenis