Exposição de Neymar não preocupa

iG Minas Gerais |

Para ver. Em jogo da Liga dos Campeões, Neymar faz questão de mostrar marca de cueca
Andres Kudacki/AP - 9.4.2014
Para ver. Em jogo da Liga dos Campeões, Neymar faz questão de mostrar marca de cueca

Neymar já apareceu só de cuecas na televisão. Chupou sorvete. Disparou torpedos no celular. Encarou o ídolo do rali Ken Block em um duelo de habilidades. Ensinou “gringos” a pedir, em português, um guaraná quando vierem ao Brasil para a Copa. Apareceu em 1.334 inserções publicitárias na TV aberta, um líder de audiência. E ainda sobrou tempo para jogar futebol.São Paulo.

A menos de um mês da abertura da Copa do Mundo, Neymar inunda o mundo da publicidade com a força de um tsunami. Ele é, disparado, o mais requisitado pelos agentes de marketing.

Tamanha exposição poderia provocar um pânico no comando da seleção brasileira, temendo por um efeito negativo no desempenho do craque no campo.

Não é bem assim. Luiz Felipe Scolari, o chefe de Neymar, também tem sido alvo da publicidade. Em março, por exemplo, o treinador apareceu em 318 inserções de comercias na TV aberta. Perdeu apenas para Neymar, que teve sua imagem em 578 inserções publicitárias nesse mês.

Por enquanto, Felipão, o coordenador Carlos Alberto Parreira e seus assessores estão tranquilos. O comando tem certeza de que Neymar não derrapará quando a bola rolar. “A responsabilidade maior de Neymar não é só pela criação, é pelo contra-ataque, pela improvisação. É um complemento de um grupo que trabalha para ele, e ele, em algumas oportunidades, vai ter de trabalhar para esse grupo também”, disse Felipão no ato da convocação da seleção, no último dia 7.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave