Homem é morto por marido traído após ser flagrado na cama com mulher

Suspeito pegou mulher, de 60 anos, na cama com o amante e o matou a facadas; autor fugiu após o crime e não foi localizado

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

O corpo de Rogério Rodrigues de Oliveira, de 42 anos, foi encontrado pela polícia, ainda sem as roupas, sobre a cama de um cômodo localizado nos fundos de um bar, no bairro Beatriz, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte. Ele foi morto a facadas na noite deste sábado (17) após ser flagrado fazendo sexo com uma mulher de 60 anos, que seria casada com o autor do crime. 

O sargento Aquino, do 18º Batalhão da Polícia Militar (PM), é um dos militares que atenderam a ocorrência de homicídio. "A vítima fatal estava transando com a senhora quando o marido ficou sabendo e foi atrás com uma faca. Ele entrou no quarto, deu várias facadas no amante e saiu pela rua, todo sujo de sangue e ainda com a arma nas mãos", relatou o policial. 

Segundo as informações repassadas por testemunhas, a vítima teria chegado ao bar, localizado às marges da Via Expressa, acompanhado da mulher. Após consumirem bebidas alcoólicas eles foram para o quarto, que fica em uma casa aos fundos do estabelecimento. Após esfaquear o amante, o homem fugiu, não chegando a agredir a sua mulher. 

"A mulher do suspeito estava muito embriagada e, por isso, foi socorrida ao Hospital Municipal de Contagem pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ela afirmou que o autor seria o seu marido, Fábio Soares da Silva, de 50 anos. Porém, devido ao seu estado, essa informação ainda não foi confirmada", explicou o sargento Aquino. 

Segundo testemunhas, Oliveira teria chegado do interior há pouco mais de 20 dias e estaria vivendo na região. O suspeito teria fugido pela Via Expressa levando a arma do crime. Apesar de buscas terem sido feitas na região com o intuito de localizar o autor, ninguém foi preso. A perícia da Polícia Civil é aguardada para confirmar quantos ferimentos foram feitos na vítima.