Os infiltrados

iG Minas Gerais |

1) Thiago Motta. O volante chegou a jogar na seleção brasileira sub-23, mas preferiu atuar pela Itália. São 19 partidas pela Azzurra e um gol marcado.

2) Sammir. O meia baiano jogou pelas categorias de base do Galo e da seleção brasileira. Naturalizou-se croata em 2002 e já defendeu o país em quatro partidas.

3) Rômulo. Depois de jogar pelo Cruzeiro como lateral-direito, ele acabou se encontrando em terras italianas, no Verona, mas atuando como volante. Ainda não jogou pela nova seleção.

4) Marcos González. Nasceu no Rio de Janeiro, mas foi para o Chile com 2 anos de idade. Jogou pelo Flamengo. Fez 18 partidas pela seleção chilena.

5) Pepe. O zagueiro alagoano foi para Portugal com 17 anos. Jogou a Copa de 2010. Ele fez 57 partidas pela seleção portuguesa.

6) Eduardo da Silva. Saiu cedo do Brasil. Ainda como júnior, foi para o Dínamo de Zagreb. Jogou pela seleção sub-21 croata. Ao todo, já fez 62 jogos pela Croácia e marcou 29 gols. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave