Sem água, moradores de Pará de Minas fecham BR-262 em manifestação

No dia 8 de maio, a prefeitura do município decretou estado de calamidade pública em função de problemas de abastecimento; Copasa se comprometeu em falar sobre o assunto ainda nesta sexta-feira (16)

iG Minas Gerais | CAMILA KIFER |

Uma manifestação de moradores de Pará de Minas, na região Central do Estado, causa transtornos para o motorista que tenta seguir na BR-262 na noite desta sexta-feira (16). Isso, porque, aproximadamente 500 moradores do município interrompem o trânsito nos dois sentidos da rodovia, próximo a entrada da cidade. O protesto é contra a falta de água na região.

De acordo com a Polícia Militar (PM), os moradores começaram a invadir a pista por volta de 19h. O protesto gerou um congestionamento de aproximadamente 3 Km em cada sentido da rodovia. Não há previsão para a liberação da pista.

Ainda segundo a PM, moradores, munidos com cartazes, reclamam que há bairros chegam a  ficar três dias sem água.  

Entenda

No dia 8 de maio, a prefeitura do município decretou estado  de calamidade pública em função de problemas de abastecimento de água agravada pela escassez de chuva nos últimos 3 anos. A situação ficou ainda pior pela falta de contrato de concessão entre a Prefeitura e a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), que expirou em 2009.

Dos 90 mil habitantes de Pará de Minas, 70 mil estão sofrendo com problemas de abastecimento de água, segundo o prefeito Antônio Júlio (PMDB).

A Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) se comprometeu em falar sobre o assunto ainda nesta sexta-feira (16).  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave