‘Saideira’ encerra festival

Zeca Pagodinho e Monobloco estão entre as atrações da festa do Comida di Buteco

iG Minas Gerais |

Zeca Pagodinho: da periferia do Rio para o país inteiro
Zeca Pagodinho: da periferia do Rio para o país inteiro

A partir do meio-dia deste sábado (17), acontece a tradicional festa “Saideira”, no Largo da Saideira (av. Cristiano Machado, 3.450), que encerra a 15ª edição do Comida di Buteco. Serão 12 horas de muita música, gente bonita, cerveja e, claro, dos pratos de 45 botecos que concorreram neste ano.

Depois de 31 dias de degustações por visitantes e jurados, será divulgado quem vai levar o troféu de grande campeão desta edição. Além disso, os 45 botecos participantes do concurso estarão com estandes no local, vendendo seus tira-gostos, em formato reduzido, ao preço único de R$ 10.

Nos estandes de bebidas, serão comercializados Bohemia em lata e chope Bohemia Imperial, produzidos em Petrópolis (RJ), assim como água e refrigerantes. E, para quem curte cervejas refinadas, haverá um espaço especial de degustação com vários rótulos, denominado “Empório da Cerveja”.

Atrações

A "Saideira" deste ano, que também comemora os 15 anos do festival, terá atrações musicais nacionais, como Zeca Pagodinho e Monobloco, e mineiras como os DJs Ivan Monteiro e Cateb, Siricotico, Oi de Gato, Gustavo Maguá e Copo Lagoinha, que prometem embalar os botequeiros de plantão.

Para garantir a segurança dos frequentadores, a organização do evento solicitou à BHTrans a criação de uma infraestrutura de acesso. Com isso, serão disponibilizadas duas linhas de táxi-lotação, sendo uma com saída da Savassi (av. Getúlio Vargas, 1.300), a R$ 11 por pessoa, e outra do centro (av. Amazonas, 315), a R$ 9 por pessoa.

“Recomendamos sempre a utilização do transporte público, dos táxis e das caronas solidárias. Assim, todos ficam mais tranquilos para se divertir com os amigos ”, afirma a gestora do Comida di Buteco, Maria Eulália Araújo.

Há 15 anos em Belo Horizonte e há nove em outras cidades do país, o Comida di Buteco estima um público de mais de 10 mil pessoas na festa de encerramento. 

 

PERFIL

Zeca Pagodinho: Ele lançou, em 1981, o primeiro disco com a canção “Camarão que Dorme a Onda Leva”, de sua autoria e de Arlindo Cruz. E, desde então, ele já gravou mais de 18 discos, sendo hoje considerado um grande nome dos gêneros samba e pagode no país.

Monobloco: Consagrado por incorporar diversos ritmos e estilos musicais à batida do samba, o Monobloco, criado em 2000, arrasta um público de 500 mil pessoas no encerramento do Carnaval do Rio, além de possuir a versão Monobloco Show, que se apresenta em todo o país.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave