Em jogo disputado, Djokovic bate Ferrer e avança à semifinal em Roma

Sérvio venceu o espanhol por 2 sets a 1, com parciais de 7/5, 4/6 e 6/3

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Cabeça de chave número 2, Djokovic terá pela frente o canadense Milos Raonic
Divulgação/US Open
Cabeça de chave número 2, Djokovic terá pela frente o canadense Milos Raonic

Novak Djokovic levou a melhor em um jogo bastante disputado contra David Ferrer, nesta sexta-feira, para se garantir nas semifinais do Masters 1000 de Roma. O sérvio venceu o espanhol por 2 sets a 1, com parciais de 7/5, 4/6 e 6/3, e jogará por uma vaga da final do último grande torneio de preparação para Roland Garros, Grand Slam que começa no próximo dia 25, em Paris.

Cabeça de chave número 2 da competição realizada na capital italiana, Djokovic entrará em quadra neste sábado como grande favorito a um lugar na decisão. Ele terá pela frente o canadense Milos Raonic, oitavo pré-classificado e atual 10º colocado da ATP, que nesta sexta eliminou o francês Jeremy Chardy, surpreende algoz de Roger Federer logo na estreia do suíço. O tenista do Canadá avançou ao vencer por 2 sets a 1, com 6/3, 5/7 e 6/2.

Sem Federer pelo caminho, como inicialmente acreditava que teria na semifinal, Djokovic enfrentará Raonic pela segunda vez no circuito profissional. No único jogo entre os dois até aqui, o sérvio venceu por 3 sets a 0 em duelo válido pela Copa Davis, também realizado em piso de saibro como o do Masters de Roma.

Para assegurar lugar em mais uma semifinal, Djokovic precisou jogar duas e 31 minutos nesta sexta e encarou dificuldades desde o início. No primeiro set, Ferrer chegou a quebrar o saque do rival uma vez, mas o sérvio aproveitou dois de quatro break points para garantir a vantagem inicial de 7/5.

Na segunda parcial, porém, o espanhol foi feliz na única chance que teve de vencer um game no serviço de Djokovic, salvou cinco break points e assim empatou o jogo ao fazer 6/4. No terceiro set, o atual quinto colocado do ranking mundial voltou a conseguir uma quebra, mas o tenista número 2 do mundo converteu dois de três break points e depois sacou para liquidar o jogo em 6/3 no nono game.

Outro tenista que assegurou lugar nas semifinais em jogo encerrado há pouco em Roma foi Grigor Dimitrov. O búlgaro contou com a desistência do alemão Tommy Haas depois de ter vencido o primeiro set do confronto por 6/2. Assim, ele chegará cheio de gás à semifinal deste sábado, na qual terá pela frente o vencedor da partida entre o espanhol Rafael Nadal e o britânico Andy Murray, programada para esta sexta-feira.

Leia tudo sobre: tenisesportenovak djokovicdavid ferrerroma