Primeiro dia de Feirão da Caixa já registra venda de imóveis

O prazo para o financiamento imobiliário é de até 35 anos e as taxas de juros são a partir de 4,5% ao ano, variando de acordo com a renda do tomador e o valor financiado

iG Minas Gerais | JULIANA GONTIJO |

ECONOMIA. BELO HORIZONTE, MG.

Feirao da casa propria da Caixa

FOTO: LINCON ZARBIETTI / O TEMPO / 16.05.2014
Lincon Zarbietti / O Tempo
ECONOMIA. BELO HORIZONTE, MG. Feirao da casa propria da Caixa FOTO: LINCON ZARBIETTI / O TEMPO / 16.05.2014

O Feirão Caixa da Casa Própria começou ontem, no Expominas, no bairro Gameleira, região Oeste da capital. E no primeiro dia já teve gente fechando negócios. Um deles foi o mecânico Fábio da Silva, 43 anos, que comprou uma cobertura de dois quartos no bairro Jatobá, na região do Barreiro,  em Belo Horizonte. "Cheguei aqui às 9 horas e olhei as opções em dois estandes", conta.

Ele optou por comprar um imóvel na mesma região em que mora atualmente. "Só que agora, vou sair do aluguel. Estou muito feliz, é o meu sonho", diz.  Silva ressalta que comprou o apartamento da construtora Tenda já pronto.

"Eu estava pagando um imóvel na planta, só que a obra foi embargada. Vim com o objetivo de olhar um imóvel já pronto. Vou me mudar assim que a empresa me entregar as chaves", frisa.

Um dos atrativos do feirão, que está  em sua 10ª edição, na opinião do mecânico é que o primeiro pagamento para janeiro de 2015. "Com isso, poderei mobiliar o apartamento", diz.

O vice-presidente da Caixa Fábio Cleto frisou que a carência para o comprador dos imóveis para janeiro do próximo ano é o maior prazo já concedido pela instituição. "Quem contratar o financiamento até o dia 31 de julho terá a chance de pagar a primeira prestação em janeiro de 2015, o que é bom para as pessoas se organizarem"

A condição vale tanto para os contratos feitos com recursos do Fundo de Garantia (FGTS) ou da poupança (Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo, SBPE). Os empréstimos podem ser feitos no evento ou nas agências da Caixa. O prazo para o financiamento imobiliário é de até 35 anos e as taxas de juros são a partir de 4,5% ao ano, variando de acordo com a renda do tomador e o valor financiado.

Além de Belo Horizonte, o feirão acontece em Brasília, Salvador, Fortaleza, Belém, Rio de Janeiro e Curitiba. O evento termina domingo.

Compras

O vendedor Bruno Fernandes, 24 anos, foi ao feirão pela primeira vez fazer pesquisa. "Vou analisar primeiro para depois fechar. Pode ser que eu volte aqui amanhã para fechar, caso eu encontre uma boa opção de imóvel", observa.

Ele conta que vai se casar no próximo ano e por isso já quer olhar um apartamento.  "A vantagem do feirão é que tem várias opções num único local. Achei bem interessante", diz.

O porteiro Daniel Júnior Ferreira, 25 anos, fez uma simulação no atendimento da Caixa  pela manhã. Ele conta que se casou em novembro do ano passado e que ainda está morando na casa dos pais. "Olhei imóveis em dois estandes. Estou olhando opções em Sarzedo e Betim. pois em Belo Horizonte está muito caro", diz.

Ferreira ressalta que pretende voltar ao feirão para fechar a compra da casa própria. "Eu vou  olhar mais. No momento, estou analisando", ressalta.

No ano passado, em torno de 32 mil pessoas visitaram o Feirão em Belo Horizonte , onde foram assinados e encaminhados 7.078 negócios, o equivalente a mais de R$ 1 bilhão. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave