Tecnologia de celulares se torna parceira dos taxistas

iG Minas Gerais |

Devido à grande quantidade de assaltos a taxistas registrados nos últimos meses, os motoristas se reuniram em busca de encontrar alternativas para sanar os problemas enfrentados.

Diante de índices alarmantes, os taxistas têm usado a tecnologia do celular para ajudar no combate à violência. “Por meio dos aplicativos disponíveis nos telefones móveis, os taxistas podem se comunicar mais rapidamente como sinal de alerta para identificar algum suspeito ou para pedir algum tipo de ajuda”, ressaltou o taxista Welber Moreira.

Além disso, os taxistas querem melhorar a imagem da categoria e utilizar um outro aplicativo para conectar o taxista para uma corrida. “Esse aplicativo já existe, mas estamos buscando um que seja especifico para o município de Contagem”.

Segundo o taxista Richard Soares, algumas horas após o assalto ocorrido no dia seguinte a manifestação, seu carro foi encontrado pelos próprios colegas de trabalho. “Eles sabiam que eu havia sido assaltado, pois informei pelo WhatsApp e quando viram um veículo semelhante ao meu, entraram em contato comigo e logo acionei a Polícia Militar”, contou.

Infelizmente, os taxistas consideram a situação trsite e deplorável. “Está impraticável trabalhar assim. Precisamos de mudanças e estamos fazendo o que está ao nosso alcance, mas precisamos de mais ajuda e força das autoridades para que nosso trabalho continue digno e para que assim possamos trabalhar com qualidade para que os passageiros sejam bem atendidos”, conluiu Moreira.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave