MPF faz operação na casa de Pizzolato no Rio de Janeiro

Buscas fazem parte da Operação Pizzo que investiga a prática dos crimes de evasão de divisas e lavagem de dinheiro

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Ministério Público Federal faz operação na casa de Pizzolato no Rio
Agência Brasil
Ministério Público Federal faz operação na casa de Pizzolato no Rio

O Ministério Público Federal no Rio de Janeiro e a Polícia Federal deflagraram mesta quinta-feira (15) a Operação Pizzo, que investiga a prática dos crimes de evasão de divisas e lavagem de dinheiro, no Brasil e no exterior, pelo condenado foragido do processo conhecido como mensalão, Henrique Pizzolato, ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil. Pizzolato foi preso no dia 5 de fevereiro deste ano pela polícia italiana.

A investigação teve início a partir de informações coletadas pelo Escritório Central Nacional da Interpol no Brasil, com o apoio de adidos policiais brasileiros no exterior, que indicam, entre outros fatos, a possível ocultação de bens em nome de parentes por parte do condenado foragido. Há suspeita inclusive da utilização dos nomes de irmãos já falecidos.

Com base em decisão proferida pelo juiz titular da 2ª Vara Federal Criminal do Rio, foi cumprido mandado de busca e apreensão na residência de Pizzolato na cidade. A ação resultou na apreensão de diversos documentos, dois computadores portáteis e mídias eletrônicas.

A Justiça brasileira  também  solicitou à Itália o compartilhamento das provas colhidas a partir da prisão de Pizzolato naquele país, prioritariamente dos dados armazenados em computadores portáteis e equipamentos eletrônicos apreendidos com ele. Serão realizadas outras diligências no exterior.

Com Agência Brasil  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave