“Fazem promessas enganosas ao arrepio da lei”

Marcelo Campos Combate ao Trabalho Escravo MTE-MG

iG Minas Gerais |

Aumentou o problema ou aumentou a fiscalização?  

Aumentou o combate ao problema. Minas Gerais e São Paulo são os únicos Estados com um grupo específico de combate ao trabalho escravo, principalmente no meio urbano. Isso tem produzido maior número de enfrentamentos. Quando tem um grupo focado, os resultados são melhores.

Minas Gerais é o Estado com maior número de trabalhadores resgatados. Porque o Estado tem tantos trabalhadores em condições análogas à escravidão?

Não é que Minas tenha mais trabalho escravo do que nos outros Estados. Se houvesse grupos específicos em todos os Estados, o número de autuações seria bem maior.

O trabalho é integrado com outros órgãos?

Temos uma interlocução boa com a Polícia Federal, o Ministério Público Federal e o Ministério Público do Trabalho.

Qual é o maior problema no Estado?

No meio urbano, o maior problema tem sido a construção civil. Até pela carência de mão de obra no setor, os empregadores estão lançando mão de expedientes antigos e ilegais de contratação, enviando “gatos” a cidades do interior ou mesmo a outros Estados para trazer trabalhadores com promessas enganosas e ao arrepio da lei.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave