Narrativa é explorada em “Acontecimento em Vila Feliz”

Trupe Pierrot Lunar se apresenta próximo ao IAPI e Centro Cultural São Bernardo

iG Minas Gerais | gustavo rocha |

Repetição. Formas diferentes de contar e revisitar a mesma história são exploradas em espetáculo
Andrea Rego Barros
Repetição. Formas diferentes de contar e revisitar a mesma história são exploradas em espetáculo

Outra possibilidade para quem quiser acompanhar a programação de rua do FIT é o espetáculo “Acontecimento em Vila Feliz”, da Trupe Pierrot Lunar, que se apresenta duas vezes dentro da programação da mostra em espaços diferentes da cidade. A peça – inspirada num conto de Aníbal Machado – conta a história de Helena, moradora de um pequeno vilarejo, que surpreende a todos quando descobrem que ela está grávida de um desconhecido forasteiro.  

Primeira experiência da Pierrot Lunar na rua, a criação da peça foi cercada por conselhos de artistas próximos já acostumados a espaços abertos: Jussara Fernandino, ex-integrante da Cia. Burlantins, Eduardo Moreira, do Galpão e Chico Anibal, parente de Anibal Machado.

“O espetáculo tem uma estrutura narrativa que se repete. É uma maneira de prender a atenção do público e também pegar o sujeito que está passando ali naquele exato momento. Por que a rua tem isso, né? Nem sempre aquele pessoa está ali para assistir o espetáculo. Então, a história é replicada através da rádio, das músicas, do jornal (que é distribuído em uma das cenas e conta toda a história da peça)”. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave