Corinthians admite falhas no Itaquerão e pede paciência

Por meio de nota oficial, clube diz que houve erros na inauguração e se comprometeu a melhorar as dependências do estádio

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Foi o primeiro contato do time com o estádio
Site Oficial Corinthians
Foi o primeiro contato do time com o estádio

Três dias depois da inauguração do Itaquerão, o Corinthians veio a público nesta terça-feira para admitir as falhas verificadas pelos torcedores no futuro estádio que vai abrir a Copa do Mundo. No sábado, o clube abriu oficialmente a arena para cerca de 20 mil fãs em um jogo festivo que contou com mais de 100 jogadores, ex-atletas e ídolos da história do time.

"Neste começo de gestão, o clube vai errar e acertar até alinhar o serviço e os valores que pretende oferecer aos seus torcedores. Por isso, pede a compreensão e paciência de todos até chegar ao ponto ideal - e o clube promete trabalhar muito, como já vem acontecendo, para que aconteça o mais rápido possível", registrou o clube.

Ao citar os erros na nota oficial, o clube se refere aos problemas encontrados pelos torcedores no estádio ainda não totalmente finalizado no fim de semana. Somente 20 mil puderam comparecer por causa da permissão dada pelo Corpo de Bombeiros. A entidade viu risco de aumentar o número de torcedores em razão das obras ainda em andamento.

Ainda é preciso terminar a instalação das arquibancadas provisórias, nos setores Leste e Oeste, e de cadeiras nos camarotes, no setor norte, corrigir acabamento gerais em portas e pisos, embutir cabos à mostra e sumir com andaimes, espalhados pelo estádio. A previsão era de que a colocação das arquibancadas temporárias seria finalizada até o fim da primeira quinzena deste mês.

Do lado de fora do estádio, havia resto de obras e pouca sinalização para a torcida. Em relação à parte tecnológica, o sinal de telefonia celular 3G era péssimo e instável - e o sinal 4G ainda não chegou ao Itaquerão.

Por tudo isso, o clube se comprometeu a melhorar as dependências do estádio ainda para o jogo contra o Figueirense, domingo, pelo Brasileirão. Será o único evento-teste oficial do estádio antes da Copa. Para o jogo, foram liberados apenas 40 mil lugares, novamente excluindo os assentos das arquibancadas provisórias.

"Para a sequência de jogos do Corinthians na Arena Corinthians, o clube terá o compromisso de avaliar os erros e acertos e, assim, ajustar toda a política estabelecida para o atendimento do torcedor", prometeu o clube, em nota.