Estudantes do Colégio Tiradentes fecham a Amazonas contra demissões

Movimento é pacífico, mas causa retenções no trânsito da capital; no sentido bairro, a lentidão se estende até o campus I do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Cefet-MG)

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Cerca de cem estudantes do Colégio Tiradentes fecham a avenida Amazonas nos dois sentidos, na altura do bairro Gameleira, na região Oeste de Belo Horizonte, na manhã desta terça-feira (13). De acordo com informações iniciais do 5º Batalhão da Polícia Militar, o protesto é pela demissão de alguns professores.

O movimento é pacífico, mas causa retenções no trânsito da capital. Segundo a Empresa de Transportes e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), no sentido bairro, a lentidão se estende até o campus I do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Cefet-MG).

O colégio foi procurado pela reportagem, mas até o momento não se pronunciou sobre o assunto.

Acompanhe a situação do trânsito na cidade e em todo estado por aqui.  

Leia tudo sobre: manifestaçãoestudantesColégio Tiradentes