Impasse deve fazer CBF tirar jogo do Vasco de Manaus

Unidade Gestora do Projeto Copa (UGP Copa) afirmou que o estádio não poderá receber mais nenhuma partida antes da Copa do Mundo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Arena da Amazônia será um dos 12 estádios para a Copa do Mundo
Divulgação/Arena da Amazônia
Arena da Amazônia será um dos 12 estádios para a Copa do Mundo

Há um impasse com relação ao local do jogo entre Vasco e Sampaio Correa, marcado para o dia 20 de maio, pela Série B do Brasileiro. A CBF, inicialmente, havia confirmado nesta segunda-feira que a Arena da Amazônia, estádio de Manaus para a Copa do Mundo, serviria como palco da partida.

Seria a segunda vez que o time carioca jogaria na arena. Anteriormente, pela primeira rodada da Copa do Brasil, o Resende (RJ) mandou o jogo contra o Vasco no estádio, que contou com grande presença dos torcedores vascaínos.

Contudo, a Unidade Gestora do Projeto Copa (UGP Copa), órgão criado pelo governo do Estado do Amazonas, afirmou por intermédio de sua assessoria de comunicação que o estádio não poderá receber mais nenhuma partida antes da Copa do Mundo. Segundo a UGP, a interdição se deve a algumas pequenas obras e intervenções técnicas que precisam ser feitas nas instalações da arena antes do Mundial.

De acordo com o órgão responsável pela Arena Amazônia, a CBF já foi acionada transferir a partida do local. A confederação deve atender a UGP e promover a mudança até esta terça-feira, segundo sua assessoria de Imprensa. O Vasco tem mando de campo nesse jogo e deve atuar a uma distância mínima de 100 quilômetros do Rio a fim de cumprir decisão da justiça esportiva.

Leia tudo sobre: estadioArena da AmazôniavascoSampaio Correacopa