Depois de vice com Al-Rayyan, Rapha defenderá o Funvic-Taubaté

Levantador recentemente convocado para a seleção levou em conta a proximidade com a família para retornar ao Brasil, após 11 anos longe

iG Minas Gerais | GABRIELA PEDROSO E DÉBORA FERREIRA |

Esportes - Belo Horizonte - MG
Treino para a Copa do Mundo de Volei.
Na foto: Al-Rayyan, time do Catar 

FOTO : PEDRO GONTIJO / O TEMPO 04.05.2014
PEDRO GONTIJO / O TEMPO
Esportes - Belo Horizonte - MG Treino para a Copa do Mundo de Volei. Na foto: Al-Rayyan, time do Catar FOTO : PEDRO GONTIJO / O TEMPO 04.05.2014

Mais de onze anos distante do Brasil pesaram na decisão do experiente levantador Rapha, eleito o melhor na função durante o Mundial de Clubes deste ano, disputado no Mineirinho na última semana, de voltar ao Brasil. O jogador admitiu ao Super FC que defenderá a equipe do Funvic-Taubaté-SP na próxima temporada, depois de atuar pelo Halbank-TUR e pelo Al-Rayyan-QAT na semana passada.

O atleta disse que a proximidade com a família, que vive em Resende-RJ, foi fundamental, já que assim seus filhos poderão conviver com os avós. O investimento do elenco, que terá nomes fortes da seleção como Sidão, Dante e Maurício, também pesou.

“Estou voltando para o Brasil esse ano, depois de onze anos fora. Já estou longe de casa há muito tempo, tenho dois filhos pequenos, resolvi voltar e estou muito feliz. Eu vou para o Taubaté. É um time que está montando uma equipe forte, com o pessoal da seleção, Sidão e Dante, Maurício, Lorena...é um time que vai ser muito competitivo, estou muito feliz. Meus pais são de Resende, no Rio,  que fica a uns 40 minutos de carro. Vou poder viver com eles, estar juntos, deixar as crianças brincarem com os avós...não tem preço”, revelou Rapha.

Leia tudo sobre: raphalevantadorbrasiltaubatéal-rayyancatarmundial de clubesseleçãodantem lorenamaurícioresendefamília