Protesto de rodoviários em São Paulo chega ao fim

Segundo a SPTrans, ainda não há uma estimativa de quantos passageiros foram afetados, mas a garagem onde aconteceu a paralisação tem uma frota de 224 ônibus que atuam em 19 linhas da região

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Motoristas e cobradores da Viação Vip, que atende a zona sul da cidade, bloquearam com ônibus as a avenidas Guarapiranga, Atlântica e Olívia Guedes Penteado, durante uma manifestação por reajustes salariais na manhã desta segunda-feira, 12. A paralisação dos trabalhadores durou quatro horas e os ônibus começaram a voltar a circular às 9h.

Segundo a SPTrans, ainda não há uma estimativa de quantos passageiros foram afetados, mas a garagem onde aconteceu a paralisação tem uma frota de 224 ônibus que atuam em 19 linhas da região.

O sistema de Plano de Atendimento entre Empresas de Transporte em Situação de Emergência (Paese) teve de ser acionado, mas foi desativado por volta das 10h, após o fim da paralisação. Ao todo 86 ônibus atenderam 7 linhas.

Por causa das interdições nas vias Trânsito, houve bastante trânsito na região. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), às 9h15, a zona sul tinha o maior índice de congestionamento da capital, com 42 quilômetros de filas.  

Leia tudo sobre: ProtestoSão PauloManifestaçãoRodoviáriosônibusmotoristascobradores