“É preciso definir mais recursos para as áreas sociais”

Vanessa Portugal presidente do PSTU-mg

iG Minas Gerais |

Quais as principais diretrizes que o PSTU vai defender na elaboração do programa de governo conjunto da frente?

A primeira coisa é a independência do candidato em relação às instituições patronais e aos partidos que governam direta ou indiretamente o país. O programa tem que abordar as reivindicações trabalhistas clássicas e definir mais recursos públicos para as áreas sociais. Vamos nos posicionar ainda contra a privatização de serviços essenciais.

Qual a expectativa em relação à formação e à força da frente de esquerda em Minas Gerais?

Acreditamos na concretização da frente desde que haja respeito aos pesos dos partidos e que seja feito um programa de governo conjunto entre as legendas.

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave