Fora da Copa, Ashley Cole se aposenta da seleção inglesa

Nesta segunda, Hodgson vai revelar a lista de convocados da Inglaterra; jogador, porém, já adiantou o nome dos dois laterais-esquerdos que serão chamados

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

undefined

Titular da Inglaterra em três Copas do Mundo, Ashley Cole não joga mais pela equipe nacional do seu país. Neste domingo, o jogador, que atualmente defende o Chelsea, revelou que recebeu um telefonema do técnico Roy Hodgson avisando que não seria convocado para vir ao Brasil. Aos 33 anos, vai abrir espaço para jovens jogadores.

"Eu recebi uma ligação do Roy (Hodgson) e concordo que a seleção inglesa precisa de jovens jogadores. Eu acredito que, assim, é melhor me retirar da seleção inglesa agora. Nós temos um grande treinador e um ótimo time e tudo que eu desejo a eles é o sucesso. Estarei torcendo com um verdadeiro torcedor. Obrigado a todos por tudo", escreveu Cole, no Twitter.

Nesta segunda, Hodgson vai revelar a lista de convocados da Inglaterra. Ashley Cole, porém, já adiantou o nome dos dois laterais-esquerdos que serão chamados. "Leighton Baines e (Luke) Shaw são ótimos jogadores e provaram isso nessa temporada. Eles são o futuro deste país. Foi um prazer jogar pela Inglaterra 107 vezes", escreveu Cole, que estreou pela seleção em 2001.

O jogador do Chelsea vinha sendo convocado com regularidade, tanto que foi titular diante da Dinamarca, no único amistoso que a seleção da Inglaterra fez na temporada. O titular da equipe, porém, é hoje é Leighton Baines, do Everton. No segundo tempo da partida diante dos dinamarqueses, Luke Shaw, garoto do Southampton de apenas 18 anos, correspondeu. Tanto que ganhou a vaga no banco.