Após concentração e vitória, Kalil brinca: "é sofrido ser jogador"

Presidente alvinegro se 'concentrou' com plantel alvinegro e viu como a vida de um atleta é marcada por 'sacrifícios'

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Dirigente também se mostrou tranquilo quanto à liberação do dinheiro da venda de Bernard
Flickr Atlético/Bruno Cantini
Dirigente também se mostrou tranquilo quanto à liberação do dinheiro da venda de Bernard

De virada, o Atlético venceu o Cruzeiro por 2 a 1, neste domingo, em partida disputada no Independência, e conquistou sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro. Após a partida, o presidente do Atlético Alexandre Kalil brincou com o fato de ter participado da concentração alvinegra para o duelo com o maior rival.

“Se concentração ganhasse jogo, eu morava lá. Foi uma brincadeira que eu fiz. Foi bom que eu convivi com eles, fiquei perto e vi como é sofrido ser jogador de futebol. É muito sofrimento e muito sacrifício”, declarou o presidente bastante sorridente.

Os gols do triunfo atleticano só foram marcados na segunda etapa com Marion e André, após um pênalti bastante polêmico sofrido pelo zagueiro Leonardo Silva. Com o resultado, o Atlético acumula quatro pontos no torneio nacional, enquanto o Cruzeiro possui sete.

Pelo Brasileiro, o Galo volta a campo no próximo domingo, dia 18, quando encara o Santos na Arena Pantanal. A partida será disputada às 18h30 (de Brasília). 

Leia tudo sobre: atléticogaloalexandre kalilpresidentesofrimentoconcentraçãoclássico