Parreira nega dependência de Neymar na seleção brasileira

Atacante do Barça se tornou motivo de preocupação recentemente por causa de uma lesão no pé esquerdo, sofrida na metade de abril

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Em amistoso com a Escócia, Neymar foi hostilizado pela torcida escocesa
Reprodução/Facebook
Em amistoso com a Escócia, Neymar foi hostilizado pela torcida escocesa

O coordenador técnico Carlos Alberto Parreira afirmou neste domingo que a seleção brasileira não dependerá apenas de Neymar durante a Copa do Mundo. Para o experiente conselheiro de Luiz Felipe Scolari, o atacante do Barcelona será importante para a equipe no Mundial, mas o Brasil tem condições de buscar o hexacampeonato mesmo que o jogador venha a sofrer alguma lesão.

"A gente não pode pensar que, se o Neymar se machucar, não vamos ganhar a Copa do Mundo. Se isso acontecer, vamos encontrar uma solução. Mas é claro que não queremos que isso aconteça", declarou Parreira, em entrevista à TV Globo.

Neymar se tornou motivo de preocupação recentemente por causa de uma lesão no pé esquerdo, sofrida na metade de abril. A estimativa inicial era de que ele ficaria três semanas afastado do gramado, voltando apenas na rodada final do Campeonato Espanhol, no próximo fim de semana. O atacante, contudo, vem mostrando boa recuperação e não deve ser problema para a Copa.

Parreira comemora a recuperação e aposta nas futuras contribuições do jogador à seleção. "O Neymar vinha em uma fase de contestação quando chegamos à seleção brasileira. Diziam que ele só jogava bem no Santos. O Neymar teve a prova de fogo na Copa das Confederações. Ele encarou e venceu três campeões do mundo [Itália, Uruguai e Espanha]", destacou.

O coordenador da seleção também minimizou a inexperiência do atacante em Mundiais. "O pessoal fala que falta experiência ao Neymar em Copa do Mundo. Mas no futebol ele tem muita experiência. Jogou e ganhou Campeonatos Paulista, Libertadores. Ele disputa a Champions League, joga no Barcelona e foi o melhor jogador da Copa das Confederações".

Em relação aos demais jogadores do Brasil, Parreira demonstrou insatisfação com a forma com que os brasileiros vem sendo tratados no Chelsea. Para ele, o técnico José Mourinho está equivocado ao poupar Oscar em algumas partida e ao escalar o zagueiro David Luiz como volante.

"O Oscar está bem fisicamente. Estivemos lá. Ele não tem jogado mais por opção do Mourinho. E ele não está satisfeito com a situação. Ele se abriu [com a gente] um pouco lá. Mas o Mourinho é assim. Usa vários jogadores. Mas tem essa implicância. Entre os zagueiros que ele tem lá, o David Luiz é muito melhor do que todos eles", disse Parreira, referindo-se aos atuais titulares da zaga do Chelsea, John Terry e Gary Cahill.