Pela vitória para voltar à liderança

Alviverde tem dois pontos menos que o Joinville, que está em primeiro após decisão do STJD

iG Minas Gerais | Antônio Anderson |

Experiência. Leandro Guerreiro sabe das dificuldades que o América vai encontrar em Bragança
Douglas Magno / O Tempo
Experiência. Leandro Guerreiro sabe das dificuldades que o América vai encontrar em Bragança

Com o objetivo de reassumir à liderança da Série B do Campeonato Brasileiro, o América enfrenta o Bragantino, hoje, às 21h, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, em jogo válido pela quarta rodada da competição. O Coelho tem dois pontos menos que o Joinville, que lidera a tabela de classificação beneficiado por uma decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que, nesta semana, puniu a Portuguesa com a perda dos três pontos, depois que o clube paulista abandonou o campo no confronto contra os catarinenses.

“Dentro de campo, nós somos os líderes. O Joinville lidera pelo tribunal. Essa situação é uma motivação a mais para a gente buscar esses três pontos contra o Bragantino”, afirmou o volante Leandro Guerreiro.

Um dos atletas mais experientes do grupo, Guerreiro espera uma partida difícil. “Será um jogo do mesmo estilo que foi contra o Boa Esporte, lá em Varginha. Com muita marcação e pegada no setor de meio campo. Tem tudo para ser uma partida chata e feia, por causa desta forma de marcação, mas vamos buscar pontuar fora de casa para voltar à liderança”, completou o volante.

Mudanças. Para o confronto desta noite, o técnico Moacir Júnior poderá promover até duas mudanças na equipe titular em relação a que empatou em 0 a 0 com o Bahia, na última quarta-feira, pela Copa do Brasil.

“O Elsinho (lateral-direito) e o Tchô (meia) foram muito exigidos nesse jogo. Mas vamos aguardar para confirmar o time. Ainda preciso ver como o adversário vai jogar para acabar com qualquer dúvida”, declarou o treinador.

Sobre o adversário, Moacir Júnior destacou que espera uma “guerra” no interior paulista. “O Bragantino vive um bom momento na Série B e faz uma boa campanha na competição. Por tudo isso, acredito em um jogo muito pegado, sendo que jogar lá no estádio Nabi Abi Chedid é sempre complicado”, ressaltou o treinador americano, que pediu atenção dos jogadores nas bolas paradas e jogadas de contra-ataque do Bragantino.

“Vamos defender a liderança da competição, que nos foi tirada nos tribunais e não no campo”, completou Moacir Júnior.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave