A voz Celeste

iG Minas Gerais |

Seleção brasileira sem um jogador do campeão brasileiro é brincadeira! Há quanto tempo o goleiro Fábio vem merecendo? Não digo nem convocação, falo é em ser titular. No mínimo, há seis anos. Dedé jogou duas, três partidas ruins e foi preterido nessa convocação. Esqueceram de tudo o que ele fez em prol do futebol. E não tem um jogador na seleção brasileira com as características de Everton Ribeiro. Tirando Neymar, ninguém é mais habilidoso do que ele. Não consigo torcer contra a seleção, mas deveria. Nos resta torcer por Ramires, Maxwell, Maicon, Jefferson e, principalmente, o eterno Fred. Ele sempre lembra as origens quando começou a aparecer para o mundo no Cruzeiro e, em um futuro breve, vai estar de volta. Na verdade, já era para ter voltado, mas quem sabe vencendo a Libertadores ele vem para o Mundial. A nação celeste aguarda.

A voz da Massa

Saudações alvinegras! Sobre a convocação da seleção brasileira, falaremos amanhã, em especial a ida dos nossos Jô e São Victor, o melhor goleiro do Brasil. Hoje, quero aplaudir os guerreiros do Galinho sub-17, que de forma brilhante conquistaram a Copa do Brasil da categoria. Daria para citar vários destaques individuais, todos com excelentes perspectivas para o profissional, mas parabenizo o coletivo do time comandado pelo fera Ricardo Rezende, que sabe tudo de bola. E a Massa? Mais de 16 mil presentes numa terça-feira à noite, em um jogo de juvenis, não é para qualquer time. Daí eu pergunto: como é que os caras do profissional podem falar em falta de motivação tendo uma torcida dessa? Quer motivação maior do que representar essa torcida única que é a do Galo? Parabéns, rapaziada do Galinho! Esperamos ver muitos de vocês no profissional.

Avacoelhada Nas propostas dos americanos sobre o local da partida contra o Náutico, no dia 31 de maio, Elisete dos Santos, a Lili da Avacoelhada, e Lucas Prates defenderam, na Hora do Coelho, a escolha do Castor Cifuentes, em Nova Lima, como a melhor opção. Segundo eles, devido à proximidade da cidade, a maior presença da torcida no estádio pode ser mais importante do que as condições do gramado. Gustavo, apresentador do programa, comentou que time bom joga em qualquer campo. Mais um assunto bastante polêmico. Telê Santana sempre criticou a utilização de estádios sem a qualidade ideal para a prática do futebol. Qual fator pode influenciar mais no bom desempenho do Coelhão? Gramado em ótimas condições ou a maior presença da torcida americana? Juiz de Fora, Muriaé, Patos de Minas e Uberlândia também foram citadas pelos torcedores.

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave