Van Gaal nega acerto para assumir o Manchester United

Apesar da certeza de largar o comando da seleção holandesa após a Copa, treinador garante que tem outras opções

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Van Gaal acredita no potencial de seus comandados para a Copa do Mundo no Brasil
Divulgação/Fifa
Van Gaal acredita no potencial de seus comandados para a Copa do Mundo no Brasil

O atual técnico da Holanda, Louis van Gaal, negou nesta quarta-feira que vá assumir o comando do Manchester United depois da Copa do Mundo, como foi noticiado por uma revista holandesa e, em seguida, replicado pela mídia britânica. O treinador, que vai deixar o cargo na sua seleção nacional após o Mundial, disse que ainda estuda propostas de trabalho.

"Existem vários outros clubes interessados. Eu tenho outras opções. Esse é um processo onde todo mundo tem que esperar pacientemente pela minha decisão e a dos clubes", comentou o treinador, nesta quarta-feira, durante uma sessão de treinamentos da seleção da Holanda.

O time de Old Trafford procura um treinador desde que demitiu David Moyes, escocês que não durou nem uma temporada no cargo. Enquanto não encontra um bom nome para a próxima temporada, é comandado por Ryan Giggs, que tem o auxílio de outros ídolos do clube, como Paul Scholes.

Além do Manchester United, também o Tottenham estaria interessado em Van Gaal, que antes de assumir a seleção da Holanda, em 2012, estava no Bayern de Munique. Desde que começou a carreira de treinador, em 1991, o holandês quase não ficou desempregado, tendo passado por Ajax, Barcelona (duas vezes), AZ Alkmaar, Bayern e seleção holandesa (também duas vezes).

Leia tudo sobre: van gaaltecnicoholandomanchester united