Trentino e UPCN jogam permanência no Mundial nesta quinta

Às duas equipes, que se enfrentaram nesta quarta-feira, só interessa a vitória na última rodada da primeira fase

iG Minas Gerais | DÉBORA FERREIRA |

A vitória por 3 sets a 2 do Trentino sobre o UPCN, nesta quarta-feira, complicou a matemática do grupo B e colocou uma grande pressão sobre as duas equipes. Apenas uma vitória na última rodada dá esperanças às duas equipes.

Segundo o oposto búlgaro Sokolov, maior pontuador do jogo com 26 marcações, os italianos precisam reencontrar seu estilo de jogo, o que não aconteceu nesta quarta-feira.

“Sabemos que é uma situação muito difícil porque o que nós jogamos nessa partida não foi nosso voleibol. Cometemos muitos erros, tivemos alguns problemas, mas no final nós jogamos bem, com poucos erros”, explicou.

O mesmo serve para os hermanos, que terão um desafio ainda maior, que será o de parar a surpreendente equipe catariana do Al-Rayyan.

“É uma pena não termos vencido o Trentino, porque caso tivéssemos ganhado estaríamos classificados. Então, amanhã nós temos que ganhar. É sim ou sim”, declarou o levantador Gonzalez.

Leia tudo sobre: voleitrentinosokolovupcnjogomundial de clubesvagasemifinal