Nova delegacia contra roubo de cargas está em ponto estatégico

Nova sede fica no bairro Camargos, próximo ao Anel Rodoviário de BH, o que torna o ponto estratégico em casos de emergência

iG Minas Gerais | SUELLEN AMORIM |

Minas Gerais ganhou um nova estratégia no combate ao crime organizado com a inauguração, na tarde desta quarta-feira (7), da nova sede da 6ª Delegacia Especializada de Repressão ao Crime Organizado – Furto, Roubo e Desvio de Cargas – uma parceria entre a Polícia Civil e a Federação das Empresas de Transportes de Carga do Estado de Minas Gerais (FETCEMG).

Em atuação desde março do ano passado, no bairro Carlos Prates, a delegacia ganha novo local para sua ação. Localizada na rua Lafaiete Brandão, no bairro Camargos, na região Noroeste da capital, a delegacia ficará às margens do Anel Rodoviário. “É um ponto estratégico que permite o deslocamento mais rápido em caso de emergência”, lembra um dos delegados titulares da unidade, Hugo Arruda, que frisa que o novo ponto tem como objetivo diminuir as estatísticas do roubo de carga no Estado.

O delegado Marcos Vinícius Lobo Leite, que divide a função com arruda, salienta que a delegacia já vem atuando com bons resultados na recuperação de cargas, sendo que só é competência deles roubos com valor superior a 20 salários mínimos.

O presidente da FETCEMG, Vander Francisco Costa, não revelou valores empregados na parceria, mas frisou que quem ganha o retorno financeiro é a sociedade. “Cinco ou seis porcento do faturamento total das empresas vai para cobrir prejuízos do roubo de cargas, sendo que este valor que é repassado ao consumidor. Se tivéssemos um país sem roubos, a vida do cidadão seria mais barata”, finaliza.

Em um ano de atuação, a delegacia calcula ter recuperado 8,5 milhões de reais em cargas, 20 autocargas (caminhões e carretas) e prendido 63 pessoas responsáveis por estes tipos de crime, em parceria com as polícias civis do sudeste do país. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave