BMW R 1200 RT 2014

Superestradeira top foi toda modernizada, nas carenagens e na mecânica com o motor de 125 cavalos

iG Minas Gerais |

Nova CB 300R Repsol edição limitada com visual mais esportivo
Honda/Divulgação
Nova CB 300R Repsol edição limitada com visual mais esportivo

A BMW Motos anunciou o lançamento da nova R 1200 RT no Brasil. O modelo superestradeiro todo renovado ficou muito parecido com a moto top da marca, a K1600. Além de modernizar a aparência, as carenagens reformuladas têm claras funções aerodinâmicas, que complementam a atualização mecânica com o motor mais forte. O novo parabrisa oferece mais proteção ao piloto. A fábrica anuncia que a R 1200 RT está mais confortável e agrega maiores itens de série. Um equipamento opcional, que é destaque, é a suspensão inteligente que se adequa automaticamente ao tipo de terreno e ao peso da moto. Como equipamentos de fábrica há o controle de tração, de estabilidade e do ABS e o sistema de modo de pilotagem (seco, molhado e o opcional esportivo).<CW-50> Contudo, a lista de opcionais forma um livreto que melhora consideravelmente o conforto do piloto, e garupa entre eles o sistema de áudio, controle de pressão dos pneus, piloto automático e o assistente de partida em ladeira etc. Motor renovado Para fazer jus ao modelo top, a usina de força da R 1200 RT é um novo motor boxer (parecido ao Volks com cilindros opostos) de dois cilindros de 1.170 cc, de 125 cv de potência e torque de12,7 kgfm. Possui duplo comando de válvulas no cabeçote (DOHC) e eixo balanceador, além da novidade da refrigeração mista ar/líquido. A transmissão de força é por seis marchas e levada à roda pelo eixo-cardã. No quesito conforto a BMW R 1200 RT reduziu em 20 mm a altura do banco facilitando o uso por pilotos de baixa estatura. O chassi foi mudado, sendo inteiriço, o que proporciona maior resistência à torção e conseqüente melhora na estabilidade e na maneabilidade do modelo. O farol é LED e o painel de instrumentos também renovado, tem uma tela de 5.7 polegadas onde são mostrados todos os dados do computador de bordo. As suspensões da BMW são diferentes da maioria e utilizam na frente o sistema Telelever BMW com amortecedor central (que não mergulha nas frenagens), e na traseira, com monobraço, o Paralever BMW multiregulagem. Essa verdadeira superestradeira já está disponível na rede BMW Motos a partir de R$ 89.900. A R 1200 RT 2014 tem opção das cores azul e cinza todas elas metálicas.

Motonotícia

* A maior loja de motos semi-novas de Minas Gerais, a Barroca Motos, reinaugurou, em espaço maior, a filial do bairro Venda Nova na avenida Vilarinho, 1.780, (31) 3334-1660. Uma mega loja com um mega estoque de todas as cilindradas e de todas as marcas, para facilitar as compras dos motociclistas do vetor norte de BH. A Barroca Motos é tradicional no mercado mineiro e oferece garantia de procedência de suas motos, além de fazer trocas. * A Honda lançou a CB 300R edição limitada Repsol com grafismo especial, inspirado na moto do time Honda da MotoGP, RC213V, que foi vencedora na temporada 2013. A edição especial tem grafismos parecidos com os dos modelos CBR 600RR e CBR 1000RR, deixando a CB 300R esportiva também no visual. A nova CB 300R Repsol edição limitada estará disponível na versão standard, a partir do dia 20/5, com preço sugerido em SP de R$ 12.040. * O prêmio Moto de Ouro, da revista Motociclismo, agraciou em primeiro lugar, na categoria Piloto de Enduro, o piloto mineiro Rômulo Bottrel, da equipe P3 Racing, de BH. Na categoria Motocross o também mineiro Antônio Balbi Júnior ficou em terceiro lugar. Na mesma premiação a Kawasaki Ninja 300 conquistou o Moto de Ouro na categoria City. A Honda recebeu treze troféus com destaque para os modelos Biz 125, XRE 300 e CRF 450X nas categorias CUB, Trail e Moto Verde, respectivamente. * Você sabia que o Brasil tem 20 milhões de motos em circulação, produz média de 1,7 milhão de unidades anuais e é o quinto produtor mundial de motos? No segmento de motos de alta cilindrada, está entre os países de melhor desempenho com índices maior do que a média mundial. Já no segmento de pequenas cilindradas o mercado brasileiro vem seguindo com vendas em 2014 abaixo das do ano de 2013. As informações são da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motos e Ciclomotores – Abraciclo.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave