Prandelli dá dica e diz que pode convocar Luca Toni

Experiente jogador, que disputou os dois últimos Mundiais, marcou 19 gols na atual edição do Campeonato Italiano

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Luca Toni comemora gol que permite a Fiorentina continue sonhando com a Champions
FLICKR/SITE OFICIAL/DIVULGAÇÃO
Luca Toni comemora gol que permite a Fiorentina continue sonhando com a Champions

O técnico da Itália, Cesar Prandelli, indicou nesta segunda-feira, em entrevista a uma rádio local, que o centroavante Luca Toni, de 36 anos, atualmente no Verona, pode ser a surpresa da lista final de convocados da equipe para a Copa. O jogador, que disputou os dois últimos Mundiais, marcou 19 gols na atual edição do Campeonato Italiano.

“Luca Toni disputou um campeonato extraordinário, reencontrou uma alegria que não tinha há anos, mostrando que, quando uma pessoa tem um objetivo, em um bom ambiente, pode prolongar a carreira", elogiou Prandelli, que já havia indicado, no mês passado, que poderia utilizar Toni, assim como Totti e Di Natale todos veteranos, em caso de emergência.

Os três não estavam em uma lista de 42 atletas que passaram por testes físicos no mês passado. Na ocasião, o treinador convocou 12 atacantes e acirrou a disputa por de cinco a sete lugares na relação de 30 nomes que a Itália enviará à Fifa, com 23 que disputarão a Copa e outros sete que ficarão de sobreaviso.

"Nos últimos meses, estamos observando os jogadores que havíamos incentivado há alguns meses, jovens que estão se destacando. Há jogadores que, até o último momento, devem me mostrar que merecem a convocação, inclusive do ponto de vista físico”, explicou, como que dando uma dica a Luca Toni.

Outro que não para de fazer gols é Ciro Immobile, que fez 21 pelo Torino. O garoto, de 24 anos, só estreou esse ano pela Itália. "Immobile demonstrou um rendimento extraordinário, não começou com um grande prognóstico e teve que reconquistar a todos”, comentou o treinador.

Uma vaga, porém, já tem dono: é de Mario Balotteli, apesar de todos os pesares. "Ele já fez 14 gols conosco e nunca teve atitudes inadequadas com o grupo. Devo avaliá-lo quando chegar a Coverciano (aos treinos pré-Copa) e dele eu espero um comportamento como no clássico, não tanto os gols”, disse Prandelli, em referência à atuação do jogador na vitória do Milan sobre a Inter de Milão, neste domingo.