UPCN cumpre papel, mas técnico espera aumento da produtividade

Time argentino venceu bem o Esperance Tunis, mas pegará equipes mais qualificadas nas próximas rodadas do torneio

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI e FREDERICO RIBEIRO |

No jogo que marcou a abertura do Mundial de Clubes de vôlei, em Belo Horizonte, o UPCN (ARG) não deu chances para o Esperance de Tunis, da Tunísia, nesta segunda-feira. No entanto, o placar de 3 sets a 0 não foi de total contentamento do técnico argentino Fabián Armoa, pois os hermanos sabem que terão desafios mais complicados pela frente.

O treinador do time de San Juan disse que o Esperance fez um bom jogo e até dificultou o terceiro set, ao obrigar o UPCN a fazer 27 pontos para fechar o jogo. Agora, o time terá pela frente o tradicional Trentino e o Al Rayyan, que conta com jogadores de várias nacionalidades.

"Viemos ganhar hoje e fizemos isso. Agora temos partidas decisivas pela frente. Temos que aumentar a produtividade, porque ficamos na quarta colocação no ano passado e queremos ir além este ano", afirmou Armoa, que mostrou ciência da necessidade de se trabalhar mais pesado do que em 2013. "O nível deste Mundial aumento em relação à edição passada".

Leia tudo sobre: voleiupcnquermelhorartreinadorproximosjogosmundial de clubes