Após dez horas de manifestação, moradores vão acampar na prefeitura

Objetivo é garantir que encontro com o prefeito, marcado para quinta-feira (8), realmente aconteça

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Após cerca de dez horas de manifestação na avenida Brasília, uma das principais vias de Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte, os moradores do bairro Duquesa I decidiram finalizar o protesto e iniciaram uma ocupação na Prefeitura do município. A decisão foi tomada após a promessa de um encontro com o prefeito Carlos Calixto (PSB), marcada para a próxima quinta-feira (8). 

A manifestação teve início por volta das 5h, quando cerca de 30 moradores do bairro fecharam dois pontos da avenida. Os manifestantes pediam melhorias para o bairro, que, segundo eles, está sem a assistência da prefeitura, com ruas de terra e outros problemas. A avenida foi fechada com pneus que foram queimados. 

Conforme as informações de militares do 35º Batalhão da Polícia Militar (PM), a manifestação aconteceu até cerca de 15h30, quando eles foram informados que representantes poderiam se reunir com o prefeito às 11h30 da próxima quinta. 

Para garantir que suas reclamações serão ouvidas, um grupo de aproximadamente dez moradores do bairro optou por acampar na sede da prefeitura até o dia do encontro. Ainda conforme a PM, toda a manifestação aconteceu de forma pacífica, assim como a ocupação da prefeitura. 

O TEMPO tentou entrar em contato com a assessoria da Prefeitura de Santa Luzia para falar sobre a ocupação, porém, nenhuma das ligações foi atendida. 

 

Leia tudo sobre: manifestaçãosanta luziaduquesa Iprotestosprefeituraacampamento