Assistente do UPCN espera vencer Cruzeiro no vôlei e no futebol

Carlos León, assistente técnico do time argentino que disputa o Mundial, é torcedor fanático do San Lorenzo, adversário da Raposa nas quartas da Copa Libertadores

iG Minas Gerais | Daniel Ottoni e Frederico Ribeiro |

Um dos favoritos na Libertadores e no vôlei masculino, o Cruzeiro tem chances de ser campeão nas principais competições que disputa nos dois esportes. Mas os argentinos podem ser grandes pedras no sapato tanto para o Sada Cruzeiro, como para a equipe do técnico Marcelo Oliveira. O assistente técnico do UPCN (atual vice-campeão sul-americano e tetracampeão local), Carlos Léon, é torcedor fanático do San Lorenzo e torcerá para ser carrasco celeste nas duas vertentes.

O San Lorenzo enfrentará o Cruzeiro pelas quartas-de-final da Libertadores e recebe a Raposa nesta quarta-feira, no Nuevo Gasómetro, mas o UPCN, para enfrentar o Sada, só em uma possível semifinal do Mundial. De qualquer maneira, Léon acha que o Cruzeiro é o favorito nas duas ocasiões.

"Sou um torcedor maluco do San Lorenzo, tento ir a todos os jogos. O Cruzeiro é muito forte, vai ser uma partida complicada, mas já vendemos todos os ingressos para o primeiro jogo e o estádio sempre tem um clima de pressão", afirmou Léon.

No vôlei, o UPCN se mostrou freguês do Sada ao perder a decisão do Sul-Americano de 2014. A equipe, que é basicamente a mesma do campeonato citado, quer aprontar para cima do Cruzeiro.

"Mas, no vôlei, queremos surpreender o Cruzeiro, apesar de que o nosso desafio é ainda mais complicado", completou León, que agradeceu ao Papa (notável 'hincha' do San Lorenzo) por não ter nenhum torcedor do Huracán - maior rival da equipe de Almagro - na delegação do UPCN.

Leia tudo sobre: san lorenzosada cruzeirocruzeiroassistentetorcedorvitoriamundial de clubesvolei