Antigo sonho de consumo do Cruzeiro, Romagnoli desfalca San Lorenzo

Camisa 10 argentino ainda deve um jogo de suspensão por briga no Equador e retorna apenas na partida de volta contra a Raposa

iG Minas Gerais | GUILHERME GUIMARÃES |

Camisa 10 dos Cuervos cumpre, contra o Cruzeiro, último joga da suspensão de quatro partidas que levou da Conmebol
DIVULGAÇÃO/SAN LORENZO
Camisa 10 dos Cuervos cumpre, contra o Cruzeiro, último joga da suspensão de quatro partidas que levou da Conmebol

Um jogador do San Lorenzo é velho conhecido do Cruzeiro e já esteve na mira do clube em um passado recente. Trata-se do experiente meia Leandro Romagnoli, camisa 10 da equipe argentina e que, em 2012, chegou a negociar com a diretoria estrelada para vestir o uniforme azul e branco. Negociação que não deu certo.

Com 33 anos, o maestro do San Lorenzo ainda está impedido de entrar em campo pela na Copa Libertadores e, por isso, não enfrentará o Cruzeiro no jogo de ida das quartas de final, nesta quarta-feira, às 22h, no estádio Nuevo Gasómetro, em Buenos Aires.

Ainda na fase de grupos, Romagnoli brigou com policiais equatorianos, após o empate em 1 a 1 do San Lorenzo com o Independiente del Valle, no Equador. Pelo ocorrido, o meia levou quatro jogos de punição da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol), motivo da ausência nesta quarta-feira.

O camisa 10 já cumpriu três partidas de suspensão, contra o Botafogo - no fechamento da fase de grupos - e nos dois jogos das oitavas de final, contra o Grêmio. Como pagará sua punição nesta quarta, o maestro poderá, caso seja opção do técnico Edgardo Bauza, retornar na partida de volta, no dia 14 de maio, no Mineirão.  

Leia tudo sobre: cruzeiroraposaromagnolisan lorenzolibertadores