Calçadas e vias ruins são problema antigo

iG Minas Gerais |

O acidente sofrido pela pesquisadora Sônia Abranches, 63, traz à tona o antigo problema de conservação das calçadas e ruas de Belo Horizonte. Em 2012, uma pesquisa realizada pelo portal Mobilize Brasil apontou que sete em cada dez calçadas da capital estavam em condições precárias de manutenção.

Segundo a Secretaria Municipal Adjunta de Fiscalização, da Prefeitura de Belo Horizonte, 562 multas foram aplicadas, apenas no primeiro trimestre deste ano, por descumprimento às normas que regulam a manutenção de passeios na cidade. A construção, a conservação e a manutenção das calçadas são, de acordo com o Executivo, uma responsabilidade dos proprietários dos imóveis.

Ainda segundo a Secretaria de Fiscalização, uma média de 60 ações diárias são feitas para constatar a situação dos passeios na cidade e identificar irregularidades. Denúncias de problemas podem ser feitas pelo telefone 156. (LM)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave