Minientrevista

Rômulo Batista - ponteiro Shardari Zahedan

iG Minas Gerais |

Ronaldo Silveira / Divulgação
undefined

O brasileiro Rômulo Batista (Sughy) conhece bem alguns times que irão disputar o Mundial deste ano. O ponteiro começou a carreira jogando na região metropolitana de Belo Horizonte, quando os celestes ainda se chamavam Sada Betim. Passou ainda pelo argentino UPCN, antes de sair da América e ir para o mundo árabe. Jogou no Kwait, no Iraque, e defendeu, nesta última temporada, o iraniano Shardari Zahedan, que disputou o campeonato nacional junto com o Matin Varamin. Sendo assim, Sughy conhece muito bem o estilo de jogo dos campeões asiáticos. Para ele, a equipe se compara ao Sada Cruzeiro no meio árabe. Assim como o levantador William faz no clube mineiro, Sughy diz que Saied Marouf é o cabeça do time do Varamin e é também o titular na seleção do Irã. Além dele, o grupo ainda conta com um grande ataque e um bom meio de rede.

O que os fãs mineiros, e brasileiros, devem esperar desta equipe do Matin Varamin?

O Matin Varamin é uma equipe como o Sada Cruzeiro, pois o maior diferencial está no levantador. Saied Marouf é o levantador e o capitão da seleção do Irã. Muito bom jogador. Ele tem habilidade e precisão na distribuição das jogadas. Na minha opinião, essas são suas maiores qualidades.

Quais são as características da equipe, de uma forma geral?

Eles têm dois ótimos centrais, fortes, e bons atacantes. Com o Saied Marouf, eles se tornam peças fundamentais na equipe. Tem bons jogadores nas extremidades, que jogam atacando bolas muito rápidas nas pontas. Eu acredito que esta é a arma do Matin Varamin: velocidade. E o levantador com a qualidade do Saied Marouf é quem possibilita esse sistema de jogo.

Então a equipe chega com chances de fazer frente aos times que são considerados favoritos, como o Sada Cruzeiro, o Belogorie, da Rússia, e o Trentino, da Itália?

Eu não diria que o Matin Varamin é o favorito, mas digo que é um time que pode surpreender durante o Mundial. É uma equipe boa, com bons jogadores, que têm experiência internacional. Além de ter um levantador muito bom, que certamente é o diferencial da equipe.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave