Bem-vindos ao Mundial

Os participantes veteranos e novatos

iG Minas Gerais |

Douglas Magno.FOTO: Douglas Magn
undefined

Com caras novas e outras conhecidas da torcida, a edição 2014 da competição entre clubes mais equilibrada do mundo mantém fórmula de disputa, mas muda a sede

Após pouco mais de seis meses, o Mundial de Clubes está de volta para agitar a torcida do Brasil e do globo. Mais uma vez, o Sada Cruzeiro terá a honra de ser o anfitrião da competição. Em 2013, com uma organização de alto nível, o time possibilitou que o público presente em Betim desfrutasse o melhor do vôlei com comodidade. A edição, inclusive, foi bastante elogiada pela Federação Internacional de Vôlei (FIVB).

Desde a escolha de Minas Gerais para receber o torneio pela primeira vez, já existia a possibilidade de o Estado sediar o evento novamente. Para isso, era necessário que tudo saísse dentro do esperado pela FIVB. E saiu.

A grande novidade deste ano é que o Mundial terá uma casa diferente. Desta vez, o contemplado será o ginásio do Mineirinho, o “Templo do Vôlei” brasileiro, situado em Belo Horizonte. Na nova sede, os torcedores terão a chance – além de ver os jogos – de aproveitar a região da Pampulha, onde fica o Mineirão, que vai receber seis jogos da Copa do Mundo de futebol.

A fórmula de disputa será a mesma, sendo oito clubes, divididos em dois grupos. Os dois melhores de cada chave avançarão às semifinais. Entre os participantes, três estiveram na última edição, casos do campeão Sada Cruzeiro, do argentino UPCN (vice Sul-Americano) e da potência italiana Trentino, convidado. Os outros são o campeão europeu Belogorie Belgorod, da Rússia, o campeão asiático Matin Varamin, do Irã, o campeão africano Esperance, da Tunísia, o convidado Al Rayyan, do Qatar, e o representante da Confederação da América do Norte, Central e Caribe de Voleibol (Norceca), Guaynabo Mets, de Porto Rico.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave