Berlocq vira sobre Berdych e conquista título em Oeiras

Argentino, número 62 do mundo, surpreendeu o 6º do ranking, em vitória por 2 sets a 1 no ATP 250 de Portugal

iG Minas Gerais | Agência Estado |

O argentino Carlos Berlocq conquistou de forma surpreendente o título do Torneio de Oeiras. Neste domingo, o número 62 do mundo se sagrou campeão do ATP 250 português ao derrotar, de virada, na decisão o checo Tomas Berdych, primeiro cabeça de chave e sexto colocado no ranking, por 2 sets a 1, com parciais de 0/6, 7/5 e 6/1, em 2 horas e 9 minutos.

Assim, Berlocq, de 31 anos, se tornou o quinto tenista argentino a ser campeão em Oeiras desde 2002. Os outros foram Juan Martin del Potro (2011 e 2012), David Nalbandian (2002 e 2006), Gaston Gaudio (2005) e Juan Ignacio Chela (2004).

Este título é o segundo da carreira de Berlocq. Para isso, o argentino superou um péssimo retrospecto diante de tenistas do Top 10 do ranking, com 19 derrotas consecutivas, pois derrotou Raonic, número 9 do mundo nas quartas de final, e agora Berdych na decisão.

O primeiro set da decisão foi completamente dominado por Berdych que não teve o seu saque ameaçado, venceu 75% dos pontos disputados no serviço de Berlocq e ganhou por 6/0. Este, aliás, foi o primeiro "pneu" em uma decisão de torneio de nível ATP nesta temporada.

Berlocq, porém, conseguiu reagir na segunda parcial, que teve cinco quebras de serviço. A última delas, favorável ao argentino veio no 11º game. Em seguida, ele fechou o set em 7/5, forçando a realização do terceiro.

No decisivo set, Berlocq não permitiu que Berdych confirmasse o seu serviço sequer uma vez, obtendo três quebras e só perdendo o seu saque uma vez. Assim, o argentino fechou a parcial em 6/1 e o jogo em 2 sets a 1 para assegurar o título do Torneio de Oeiras.

A conquista deste domingo foi a segunda da carreira de Berlocq, que disputou a sua terceira final e deve entrar no Top 50 do ranking na atualização desta segunda-feira. Já Berdych agora soma 13 derrotas em 22 finais na sua carreira, sendo que nesta temporada ele foi campeão do Torneio de Roterdã e vice em Dubai. Seu jejum de títulos em torneios disputados em quadras de saibro é de cinco anos.