Ainda lesionado, Djokovic desiste de jogar em Madri

Sérvio não participa do Masters 1000 de Madri e só volta para o torneio em Roma, marcado para a segunda semana de maio

iG Minas Gerais | Agência Estado |

Djoko comprovou que Wawrinka é seu freguês e venceu o 14º jogo em 16 partidas com o rival
Divulgação/US Open
Djoko comprovou que Wawrinka é seu freguês e venceu o 14º jogo em 16 partidas com o rival

O sérvio Novak Djokovic anunciou neste domingo a sua desistência de participar do Masters 1000 de Madri por ainda não ter se recuperado da lesão que limitou o seu desempenho no Masters 1000 de Montecarlo, realizado no mês passado. "Eu fiz todo o possível para jogar em Madri, mas, infelizmente, a minha lesão no braço direito piorou novamente", disse o número 2 do mundo.

No mês passado, Djokovic foi eliminado nas semifinais em Montecarlo pelo suíço Roger Federer. O sérvio atuou com uma proteção no seu pulso direito e não teve condições de sacar e devolver no seu nível habitual. Djokovic diz que agora vai trabalhar para ter condições de participar do Masters 1000 de Roma, marcado para começar no dia 11 de maio.

Apontado como cabeça de chave número 2 do Masters 1000 de Madri, realizado em quadras de saibro, Djokovic iria estrear diante do vencedor da partida entre o croata Marin Cilic e o português João Sousa. Agora, ele precisará ser substituído na chave principal do torneio espanhol.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave