Hidratação e corte das pontas para domar o volume do cabelo

Xampus, cremes e penteados são aliados de quem tem cabeleira cheia

iG Minas Gerais | Raquel Sodré |

Bel gosta do volume, mas quer aprender a controlar os fios
fotos LINCON ZARBIETTI
Bel gosta do volume, mas quer aprender a controlar os fios

Ao que tudo indica, a brasileira descobriu a graça de um cabelão cheio e volumoso, com muito movimento. Personagens de novela, modelos e até jornalistas estão assumindo os cabelos naturais.

Bel Santos, 30, é atriz e há cerca de cinco meses decidiu deixar o volume e os cachos de seus cabelos aparecerem. “Durante um tempo, eu curtia muito chapinha. Acho que tinha uns quatro anos que eu queria começar a usar o cabelo enrolado, mas lavava e, quando secava, fazia chapinha”, conta. Depois de tingir os fios de louro, Bel resolveu arriscar a forma natural dos cachos. “Os primeiros dias foram terríveis, porque tem volume, e a gente acostumada com o cabelo liso. Estou curtindo agora essa coisa de cabelo com volume”, diz.

Mas nem sempre quem tem uma cabeleira com Bel farta quer posar com a “juba” em todas as ocasiões. “Depende do lugar em que você está. Às vezes eu tento controlar o volume porque incomoda”. Para isso, O TEMPO mostra dicas para tratar os fios volumosos e ensina penteados fáceis que controlam o volume e valorizam os cabelos. 

Mandamentos. A regra de ouro é a hidratação. “Até para quem tem os cabelos volumosos e oleosos, a hidratação deve ser constante. Existem tratamentos específicos para esse tipo de cabelo”, orienta Michael Assis Campos, cabeleireiro do salão Maison Drummond. “Não existe um tratamento milagroso, que a pessoa faça uma vez no ano e já saia do salão com os cabelos recuperados. Isso deve ser uma rotina”, completa Vítor Torpedo, também cabeleireiro no mesmo salão.

Outra dica é aparar as pontas ressecadas uma vez por mês. “É importante fazer isso sempre, senão a pessoa acaba ficando com um palmo de pontas ressecadas e precisa cortar muito”, alerta Michael. O pente e a forma correta de pentear o cabelos também são boas armas para controlar o volume.

Lavagem

Xampu, máscara hidratante e condicionador específicos para cabelos com volume é o primeiro passo para alinhar os fios.

“Você deve passar a máscara e finalizar com o condicionador, pois ele fecha as cutículas dos fios e retém o produto hidratante”, recomenda Michael. A hora do condicionador também é a melhor para pentear, pois evita que eles arrebentem. Um pente de policarbonato previne que os fios fiquem “ouriçados” pela eletricidade eletroestática. 

Secagem

Para usar secador de cabelos, é indispensável um difusor (acessório em forma de cone na ponta do aparelho), que ajuda na formação dos cachos. “Deve-se secar somente as pontas para não aumentar o volume na raiz”, ensina Vítor. Se for secar ao natural, é indicado o uso de um leave-in (creme sem enxágue) definidor de cachos. Em Bel, os cabeleireiros Michael e Vítor usaram também uma musse controladora de volume e redutora de frizz. 

No alto

“Quando está calor, eu transpiro horrores na nuca. Prender, às vezes, não combina com a roupa, às vezes não combina comigo, e é incômodo mesmo”, reclama Bel. Um rabo de cavalo alto é uma ótima pedida para os dias mais quentes. É só juntar a cabeleira em um ponto alto da cabeça. Depois, basta prender os fios com um elástico e passar uma mecha fina de cabelo em volta, para disfarçar o prendedor. 

De lado

Uma boa opção para o dia a dia é um rabo de cavalo de lado. Para esse penteado, é preciso repartir os cabelos de um dos lados da cabeça, juntar os fios na altura da nuca e prendê-los com um elástico no lado escolhido.

Enrolando uma mecha fina sobre o elástico para escondê-lo, o penteado fica mais elegante. A pessoa também pode variar prendendo os fios com grampos na altura da nuca. 

Todo preso

Uma falsa trança com um coque de lado e Bel está pronta para ir a uma festa informal. O cabeleireiro Vítor pegou duas mechas das laterais da cabeça e as prendeu juntas no meio com um grampo. Repetiu o processo duas vezes com mechas mais baixas, dando a sensação de uma trança. O restante do cabelo foi moldado em um coque frouxo e preso com grampos na lateral da nuca. Para alinhar os fios próximos à testa, os cabeleireiros recomendam um spray fixador. 

Coque fofo

É fácil e rápido fazer um elegante coque a partir de um rabo de cavalo. Depois de prender os cabelos como se fosse fazer um rabo alto, basta dividir o cabelo em duas partes iguais e entrelaçá-las. Prenda as pontas com um elástico bem fino. Depois, levar a ponta dos fios em direção ao elástico que segura o rabo de cavalo e prender o coque com grampos. O resultado fica mais interessante se o coque não ficar totalmente preso e “achatado” no alto da cabeça.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave