Ensaio “As Barbas do Imperador” vira quadrinhos com desenhos de Spacca

Obra trata da construção simbólica da figura de dom Pedro II

iG Minas Gerais |

O rosto de dom Pedro II no traço do cartunista e ilustrador Spacca
quadrinhos na cia. divulgacao
O rosto de dom Pedro II no traço do cartunista e ilustrador Spacca

“Finalmente, nosso monarca apresenta barbas!”, exclama, aliviado, um brasileiro comum do século XIX representado no traço do cartunista e ilustrador Spacca, na nova adaptação do ensaio de Lilia Moritz Schwartz “As Barbas do Imperador”, lançada agora pelo selo Quadrinhos na Cia (144 págs., R$49) . São Paulo.

Segundo Lilia, dom Pedro II fez uma construção simbólica da própria figura ao longo do império. “O livro original serviu de roteiro, o que eu fiz foi acompanhar, dar dicas e montar junto com o Spacca os anexos”, diz Lilia, uma militante das histórias em quadrinhos na universidade. “Foi um grande trabalho dele vencer esse desafio: o Barbas original é constituído a partir de várias pequenas teses sobre a construção simbólica de dom Pedro II, como as festas, a domesticação da nobreza e a imagem de ‘monarca cidadão’ e o quadrinho mantém essa estrutura”, diz.

Mas não foi fácil, segundo o próprio quadrinista. Spacca leu e estudou o livro, fez as imagens e então adicionou textos do original, muitas vezes mantidos na íntegra, tudo isso em quatro anos. “Eu gostaria que o público do livro pegasse esses quadrinhos e percebesse o esforço de transpor”, diz.

Para Lilia, o quadrinho inclusive ganha novas ideias em relação à obra publicada em 1998, por acrescentar pesquisas suas mais recentes, como a Guerra do Paraguai e a questão da escravidão. A ideia sempre foi adaptar sem simplificar demais. A pesquisa iconográfica e histórica de Spacca é um dos destaques da obra. “Transpor as pinturas do Debret, por exemplo, foi mais fácil, porque as imagens estão todas ali”, conta.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave