Ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa volta para sede da PF

Retorno aconteceu após o juiz Sérgio Moro acatar, na quinta-feira (1º), a sugestão da Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Paraná

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Paulo Roberto Costa (centro) foi transferido para sede da Polícia Federal em Curitiba
MARCOS ARCOVERDE
Paulo Roberto Costa (centro) foi transferido para sede da Polícia Federal em Curitiba

O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa votou, na tarde desta sexta-feira (2), para a superintendência da Polícia Federal (PF), em Curitiba. O retorno aconteceu após o juiz Sérgio Moro acatar, na quinta-feira (1º), a sugestão da Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Paraná de transferi-lo para preservar a integridade física do preso.

Costa estava detido no Presídio Estadual de Piraquara II (PEP II), na região metropolitana de Curitiba.Ele é acusado de ser um dos chefes de um esquema de lavagem de dinheiro que movimentou cerca de R$ 10 bilhões.

Os advogados do ex-diretor afirmam que o presídio de Piraquara é uma unidade para presos de alta periculosidade e que esta não é uma característica de Costa. Ele afirmaram que irão solicitar novamente que  o cliente cumpra medidas alternativas como prisão domiciliar.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave