Mortes por dengue aumentam no Sul de Minas e governo discute ações

Casos foram registrados nas cidades de Passos e Campo Belo e, de acordo com a Superintendência Regional de Saúde de Passos, ainda há três óbitos em análise

iG Minas Gerais | Da redação |

Os experimentos consistiram em liberar os insetos transgênicos em comunidades de Jacobina, na Bahia
Reprodução
Os experimentos consistiram em liberar os insetos transgênicos em comunidades de Jacobina, na Bahia

Subiu para quatro o número de mortes por dengue confirmadas no Sul de Minas. Os casos foram registrados nas cidades de Passos e Campo Belo e, de acordo com a Superintendência Regional de Saúde de Passos, ainda há três óbitos em análise. Ao todo no Estado, 10 pessoas morreram vítimas da dengue em 2014.

Para tratar da situação de alerta vivida pelos municípios que fazem parte da Superintendência Regional de Saúde de Passos, foi realizada uma reunião entre representantes das cidades e a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), no último dia 30 de abril.

Na reunião, foram apresentados os gráficos com análises epidemiológicas sobre a quantidade de notificações de cada município. Os números mostraram que uma das cidades que mais tem apresentado crescimento nas notificações de casos de dengue é Itaú de Minas. Para conter a proliferação da doença, agentes da Força Tarefa da Secretaria de Estado da Saúde vão dar apoio às equipes locais nesta segunda-feira (5). Na ocasião, será realizada uma reunião para alinhamento das ações.

De acordo com o último informe epidemológico divulgado pela SES-MG, foram confirmados 11.279 casos de dengue em Minas Gerais de janeiro à abril deste ano. As mortes foram registradas em Passos, Campo Belo, Curvelo, Juiz de Fora, Paracatu, Prata e Divinópolis.  

Leia tudo sobre: denguesul de minaspassoscampo beloitaú de minasgoverno