Ferrari que já foi de ex-presidente é apreendida no Paraná

Em 2010, quando concorreu ao cargo de governador de Alagoas, o Collor chegou a colocar o veículo na declaração de bens, sendo avaliado em pouco menos de R$ 460 mil

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Hoje, a Ferrari possui placas de Sorocaba e está no nome de uma empresa paulista, de que o motorista diz ter adquirido o veículo
Reprodução/Rede Globo
Hoje, a Ferrari possui placas de Sorocaba e está no nome de uma empresa paulista, de que o motorista diz ter adquirido o veículo

Uma carro da marca Ferrari foi apreendida pela Polícia Militar de Cascavel, no Paraná, na noite de quinta-feira (1), depois do motorista supostamente ter participado de um racha em uma das principais avenidas da cidade. A ocorrência já é incomum por se tratar de um carro famoso e pouco visto nas ruas, mas um fato a deixa ainda mais inusitada: o automóvel já pertenceu ao ex-presidente Fernando Collor de Mello.

Segundo os policiais que fizeram a apreensão, uma denúncia foi feita pelo telefone 190 de que havia uma disputa ilegal sendo feita pelos motoristas, mas quando os militares chegaram ao local, não foi constatada nenhuma corrida. Apesar disso, o novo dono do veículo não possuía a documentação correta do carro e nem portava carteira de habilitação.

Hoje, a Ferrari possui placas de Sorocaba e está no nome de uma empresa paulista, de que o motorista diz ter adquirido o veículo.

Em 2010, quando concorreu ao cargo de governador de Alagoas, o ex-presidente Collor chegou a colocar o veículo na declaração de bens, sendo avaliado em pouco menos de R$ 460 mil.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave